segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

Erotismo e Sexualidade no Antigo Egipto - Lançamento do Livro

Informa-se o público do lançamento de uma obra do Professor Doutor Luís Araújo, que também tem colaborado com o Centro Cultural Eça de Queirós.

A informação, reproduzida em baixo, pode ser consultada em:  http://www.edi-colibri.pt/Noticias.aspx?NoticiaID=323.


Erotismo e Sexualidade no Antigo Egipto, de Luís Manuel de Araújo

LANÇAMENTO: Dia 19 de dezembro (quarta-feira), às 18h00, no Anfiteatro III da
Faculdade de Letras de Lisboa. Apresentação do egiptólogo Telo Ferreira Canhão


As Edições Colibri têm a honra de convidar V.ª Ex.ª para a sessão de lançamento do livro


Erotismo e Sexualidade
no Antigo Egipto
da autoria de Luís Manuel de Araújo



A obra será apresentada pelo egiptólogo
Telo Ferreira Canhão



Dia 19 de dezembro (quarta-feira), às 18h00
Anfiteatro III
Faculdade de Letras de Lisboa
Alameda da Universidade
1600-214 Lisboa


sábado, 8 de dezembro de 2012

Conversas Públicas: 2012 Ano Europeu do Envelhecimento Ativo e da Solidariedade entre Gerações

Partilha-se a informação do seguinte evento que, dada a participação do Prof. Andrade Lemos, Presidente do Centro Cultural Eça de Queirós, decerto suscitará interesse.

Conversas Públicas: 2012 Ano Europeu do Envelhecimento Ativo e da Solidariedade entre Gerações

A Direção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas convida todos os interessados para esta sessão de Conversas Públicas que tem como convidados Sibila Marques, Fernando Andrade Lemos e Rogério Raimundo, a realizar no próximo dia 18 de dezembro, às 16h30.

Participação:
Gratuita, mas sujeita a inscrição (enviar mensagem eletrónica para mario.santana@dgarq.gov.pt referindo: Nome; Entidade / Serviço e a designação “conversas publicas” em assunto).

Ligação para o original: http://dgarq.gov.pt/noticias/conversas-publicas-2012-ano-europeu-do-envelhecimento-ativo-e-da-solidariedade-entre-geracoes/ 

Cartaz:
 Imagem cartaz Conversa Publica AEEASG 2012-12-18
 

XVIII Colóquio do Centro

Segundo informações recolhidas junto do público presente e dos oradores, o XVIII Colóquio do Centro Cultural Eça de Queirós correu muito bem. O Centro vem agradecer aos oradores a sua disponibilidade para partilharem os resultados dos seus trabalhos e à Escola Eça de Queirós a cedência do Auditório onde decorreram as sessões.

sábado, 27 de outubro de 2012

Programa do XVIII Colóquio do Centro Cultural Eça de Queirós

O Centro Cultural Eça de Queirós realiza em Novembro o seu XVIII Colóquio, do qual se deixa o programa completo. A organização espera contar com a presença de um auditório interessado e ilustre como nos anos anteriores.


XVIII COLÓQUIO DOS OLIVAIS –
II ROLAND FOREVA/TECLAS MAESTRO
24, 27, 28, 29, 30 Novembro 2012
Escola Secundária Eça de Queirós/
Centro Cultural Eça de Queiroz/
Centro Cultural de Telheiras
Local: Escola Secundária Eça de Queirós, R. Cidade de Benguela, 1800 Lisboa (Olivais)
Entrada Livre.
Para aquisição de pasta e documentação:
Oradores – gratuito
Sócios, Professores da Escola Eça de Queirós, Alunos de Simbologia – 5 E
Outros – 10 E
Patrocínios: Porto Editora, Junta de Freguesia dos Olivais e SFUCO
A Organização pede aos Ex.mos Oradores o favor de não excederem o tempo destinado à apresentação da Comunicação e o de entregarem em suporte digital a sua Comunicação para ser publicada na revista Cadernos Culturais- Telheiras, Lumiar, Olivais.

DIA 24 – SÁBADO
Visita de estudo a Arroios Literário, guiada pelo Dr. Ezequiel dos Santos Ferreira
Encontro às 10 horas junto da Igreja de Arroios.
Almoço e tarde de fado vadio no Forno do Alfarrabista, Travessa dos Cavaleiros.
Preço: 12,5 euros a pagar na altura.
Inscrição: as inscrições para o almoço têm número limitado. Para o dia 24 estão abertas 24 inscrições. Serão assim aceites as primeiras 24 inscrições, dando prioridade aos inscritos no Colóquio. As inscrições deverão ser feitas para o telefone 217597543 (das 20 às 21 horas) ou para o mail faalemos@hotmail.com.

Dia 27 – Terça-feira
9,30 h. – Entrega de pastas
10 h.- Abertura dos Trabalhos
10,15 h. – Professor Doutor José Eduardo Franco
    “Figuras e Instituições Mitificadas na Cultura Portuguesa”
11h. – Pausa Café
11,30h – Professor Paulo Cardoso
               “Título a apresentar”
12,30h. – Eng. José Viana
                “O Dilema da Cidade Perfeita”
                     ……………………………………………..
15h – Dr César Veloso
           “Eça e o Brasil”
15,30h – Drª Célia Pinto
               “Eça Visto por Virgílio Ferreira”
16h. – Pausa Café
16,30h. – Andrade Lemos e José António Silva
               “Ensaio sobre a Possível Mitogenia da Freguesia de Santa Maria dos Olivais”
17h. - Representação Cénica orientada por Dr. Onivaldo Dutra        

Dia 28 – Quarta-feira
10h. – Professor Doutor Luís Araújo
           “Eça de Queiroz e o Museu Egípcio do Cairo”
11h. – Pausa Café
11,30h. – Mestre Ernesto Jana
                “Sobre Templários…”
                          ……………………………………..
15h. – Profª Drª Salete Salvado
           “Título a apresentar”
15,30h. – Arq. Silva Dias
               “Arquitectura de Milagres – o Caso do Santuário de Nossa Senhora do Cabo Espichel”
16h. – Pausa Café
16,30h. – Mestre Hugo Lopes Alves
               “Correntes Musicais Místicas”
17,30 h. – Lançamento do nº 5 dos CADERNOS CULTURAIS DE TELHEIRAS, LUMIAR, OLIVAIS pela Organização (Escola Secundária Eça de Queirós, Centro Cultural Eça de Queiroz e Centro Cultural de Telheiras)

Dia 29 – Quinta-feira
10h. – Mestre Paula Oleiro
           “Blimunda, Madrinha de Lillias Fraser”
10,30h. – Dr. João Bartolomeu
               “O Triângulo Pedagógico de Alexandre Herculano”
11h. – Pausa Café
11,30h. – Doutor Fernando Ferreira
           “Escrita Pré-romana de Almofadinha”
12h. – Mestre João Lourenço Monteiro
           “O Cepticismo e os Mitos do Quotidiano”
                   …………………………………………………..
15h. – Drª Lina Soares
           “Lugares Místicos Luso-árabes”
15,30h. – Dr Carlos Inácio e Drª Gisela Pimentel
               “Reflexões sobre a História do Núcleo Periférico de Carnide”
16h. – Pausa Café
16,30h. – Drª Carla Minelli
               “História da Sociedade Filarmónica Maceirense”
17h. - Mestre Luís Maçarico
          Sobre Santo António
17,30h. – Prof Eduardo Sucena
               (Título a apresentar)
19h. – Jantar Queirosiano com recitação de poemas portugueses por Drª Lourdes Castanheira. Local: Escola Secundária Eça de Queirós
Menu: Canja, Arroz de Favas, Frango Assado, Arroz Doce
Preço 12 Euros
Inscrição até ao final do dia 27. Todos os Oradores e Inscritos podem inscrever-se no decorrer do Colóquio. Todas as outras pessoas que desejem participar podem utilizar os contactos acima referidos.

Dia 30 – Sexta-feira
10h. – Mestre João Luís Ferreira
            “O Palco, o Padre e o Índio. O Teatro Jesuítico no Brasil no Século XVI. Agentes e Práticas”   
10,30h. – Drª Maria Guedes
                “Saúde e Desenvolvimento Urbano: a Parede na Viragem para o Século XX”
11h. – Pausa Café
11,30h – Dr. Joaquim Gafeira
               “Os Monstros no Imaginário Medieval”
12h. – Drª Carla Lima, Drª Cláudia Joaquim
           “O Conceito de Morte para o Homem Português desde o Início do Século XX até ao Final da 1ª República”    
                      …………………………………………………….
15h. – Drª Maria da Assunção Anes
           (Título a apresentar)
15,30h. – Dr. Ademilton Nascimento
               “História e Mito: o Imaginário da Inquisição Colonial na Figura de Branca Dias”
16h. – Pausa Café
16,30h. – Conclusões e Encerramento dos Trabalhos
21,30h. – Concerto oferecido pela Banda da SFUCO (R. Alferes Santos Sasso – junto à Piscina dos Olivais)
(Este programa pode ser alterado por motivos imprevistos) 

quinta-feira, 16 de agosto de 2012

O Centro Cultural Eça de Queiroz - História e Missão


O Centro Cultural Eça de Queirós (CCEQ) é uma associação que pretende um maior conhecimento da vida e obra de Eça de Queirós e um melhor conhecimento do País e da sua cultura. Fundado em Junho de 1987 por um grupo de professores da Escola Secundária nº1 dos Olivais/Eça de Queirós, de Lisboa[1], o Centro tem-se afirmado como um local onde se procura distrair o espírito pela Cultura e como núcleo aglutinador de professores que pela Escola têm passado. Ligado a esta instituição de ensino, onde tem sede própria, o Centro também inclui associados exteriores, uma vez que é uma associação aberta a toda a gente. Com a participação de todos, tem desenvolvido numerosas actividades culturais, como visitas de estudo, colóquios, cursos livres/ateliers e, presentemente, para além de cunhar as suas próprias medalhas comemorativas, edita, com o patrocínio da Escola e juntamente com o Centro Cultural de Telheiras, uma revista – os Cadernos Culturais de Telheiras. Pela colaboração com o CCEQ, já passaram alguns estudiosos que o honraram com o seu saber, dos quais se destacam: Maria Helena Cidade Moura, Beatriz Berrini, Mascarenhas Barreto, Carlos Reis, Salete Salvado, Luís Araújo, Campos Matos, Eduardo Sucena, Vitorino, António Camilo Santos Ribeiro… Entre as realizações de 25 anos desta associação, salientam-se as seguintes:

  • Organização de Ateliers de Inglês, Arqueologia, Informática, Pintura em Cerâmica, Simbologia, Literatura, Estudos do Século XIX;
  • Publicação de estudos e fontes de História: Fernando Afonso Andrade Lemos e Rita Maria Rebelo Andrade Lemos, Os Olivais em 1763 – Leitura do Livro das Décimas da Cidade, prefácio e introdução de José Manuel Machado Rodrigues, Lisboa, Centro Cultural Eça de Queirós – Escola Secundária Eça de Queirós – C.M.L, 1997; Fernando Andrade Lemos (org.), Um Passeio pela Memória dos Olivais, Lisboa, Junta de Freguesia de Santa Maria dos Olivais, 1997; Fernando Afonso Andrade Lemos, O Lumiar em 1763 – Leitura do Livro das Décimas da Cidade, Lisboa, C.C.E.Q. – E.S.E.Q., 2009; Maria Celeste Pereira, Fernando Afonso Andrade Lemos, José António Silva et alii, Vida e Morte no Convento do Desagravo do Santíssimo Sacramento: Louriçal, Centro Cultural de Telheiras – C.C.E.Q. – E.S.E.Q. – Junta de Freguesia do Louriçal, 2010; Carlos Alberto Revez Inácio e Fernando Furtado Barreiros, O Bairro da Encarnação e as Antigas Quintas dos Olivais, Lisboa, 2012;
  • Organização do Colóquio dos Olivais, que vai realizar este ano o seu 18º encontro.


[1] São fundadores os professores Fernando Andrade Lemos, Maria José Pissarra, Maria Helena Lima Santos, Maria Helena Barros e Valentina Luz.

segunda-feira, 31 de outubro de 2011

XVII Colóquio do Centro Cultural Eça de Queirós - Indicações Importantes

Para todos os que quiserem vir assistir ao XVII Colóquio do Centro Cultural Eça de Queirós, deixam-se as seguintes indicações:
  1. O Colóquio tem lugar na Escola Secundária Eça de Queirós, sita na Rua Cidade de Benguela, 1800-071, Lisboa (freguesia de Santa Maria dos Olivais); v. http://194.65.234.221/eca/main.php;
  2. O Colóquio é aberto a todos. A aquisição de pasta e diplomas pode fazer-se no dia do encontro: 10 euros para o público em geral; 5 euros para estudantes; gratuito para sócios com as quotas em dia;
  3. A sala em que decorrerá o encontro será divulgada logo que estiver definida.

Programa do XVII Colóquio do Centro Cultural Eça de Queirós

Como indicado em mensagem anterior, segue o programa do XVII Colóquio do Centro Cultural Eça de Queirós:

XVII COLÓQUIO DOS OLIVAIS – I TECLAS MAESTRO – ROLAND FOREVA
“VIDA E MORTE DAS CIDADES / 1300 ANOS DA INVASÃO DA PENÍNSULA PELOS ÁRABES"
16, 17, 18, 19 de  Novembro de 2011

16 de Novembro – Quarta-Feira
9,30 h-Entrega de pastas e Abertura dos Trabalhos
10, 00h- César Veloso
“Alguns Comentários Acríticos sobre a ‘lingerie’ das burguesinhas Queirosianas”
11, 00h- Pausa para café
11,30h- Salete Salvado
“Reflexões sobre o nome das Freguesias de Lisboa”
12,30h- Debate
15,00h- Gumersindo da Silva
 “O Aeroporto Fluvial dos Olivais”
15,30h- Silva Dias
(Comunicação a apresentar)
16,00h- pausa para café
16,30h- Jorge Gonçalves
“Intervenção em Habitação Social em Áreas Metropolitanas: Uma Segunda Oportunidade para Famílias, Bairros e Cidades”
17,00h – José Carlos Gonçalves Viana
“Crise na Terra, Oportunidades no mar”
17 Novembro 2010 – Quinta-Feira
10,00h- João Monteiro
“Vila de Porches – Reanimação da Vida Cultural Local”
10,30h-  Paula Oleiro
“A Sala Magenta de Mário de Carvalho: Intersecções de Espaços e Leituras
11,00h-Pausa para café
11,30h- Lurdes Castanheira
(Comunicação a apresentar)
12,00h-Eduardo Sucena
“A Fundação da Igreja de Santa Maria dos Mártires de Lisboa”
12,30h- Debate
15,00h- Hugo Lopes Alves
(Comunicação a apresentar)
15,30h- Vítor Gomes
“Currículos Alternativos da Área Musical – ABRSM e Rock School”
16,00h- Pausa para café
16,30h- Representação Teatral ensaiada por Onivaldo Dutra
18 De Novembro – Sexta-Feira
10,00h- Fernando Andrade Lemos
“A Crónica Moçárabe de 754”
10,30h- Elisabete Pilar Rocha
“O Palácio do Cunhal das Bolas, no Bairro Alto”
11,00h- Pausa para café
11,30h- João Bartolomeu
“A Naturalização da Escola: Apontamentos para o Conhecimento da Pedagogia Oitocentista”
12,00 h Antonino Poiares
“As Amoedações da 1ª Dinastia”
15.00h- Ana Rita Barros Figueira
“A Mitologia Clássica na Arte e Narrativa Mítica do Séc. XX”
15,30h- António Rêgo
“Biografia Política de Muhammad II al- Mahdi, como Ponto de Partida para uma análise do início da fitna barbariyya – 1009-1010”
16,00h- Pausa para café
16,30h- Ademilton Nascimento
“Ruptura e Modernidade: A Busca por um Ideal de Civilização Urbana no Recife, no Início do Séc. XX”
17,30h – João Luís Ferreira
“Ormuz. A cidade que morreu duas vezes”
17,30h-Lançamento do III número da revista “Cadernos Culturais de Telheiras”
22,00h- Concerto na Sociedade Filarmónica União e Capricho Olivalense.
19 de Novembro - Sábado
10,00 h – Visita de Estudo à Toponímia do Bairro Alto por Elisabete Pilar Rocha
Encontro às 10 horas junto à Hemeroteca Municipal (defronte da Igreja de S.Roque)

Organização
Centro Cultural Eça de Queirós
Escola Secundária Eça de Queirós
Sociedade Filarmónica União e Capricho Olivalense.
Teclas Maestro – Roland Foreva
Apoios
Junta de Freguesia de Santa Maria dos Olivais
Porto Editora

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

XVII Colóquio dos Olivais

Está já agendado o XVII Colóquio dos Olivais. O encontro decorrerá na Escola Secundária Eça de Queirós de 16 a 19 de Novembro (em sala a designar) e este ano está subordinado aos temas Vida e Morte das Cidades e Comemoração da Invasão Muçulmana da Península Ibérica em 711. O programa encontra-se ainda em estruturação, pelo que em breve se divulgará o plano definitivo. A entrada é livre e os interessados estão convidados a assistir.

Nota: Se quiser participar no Colóquio com a sua comunicação, poderá fazê-lo submetendo o seu tema, bem como o seu texto, através do nosso e-mail.

História da SFUCO 1886-2012

 O Centro Cultural Eça de Queirós constituiu recentemente uma equipa de entre os seus associados, que vai redigir a História da Sociedade Filarmónica União e Capricho Olivalense, associação antiga da freguesia dos Olivais, fundada a 1 de Junho de 1886 e em funcionamento desde então. Procurar-se-á estabelecer os factos que levaram à sua criação e narrar a evolução que tem tido, devidamente integrada nas épocas históricas de Portugal. Preve-se que a obra esteja pronta em 2012. Será nessa altura objecto de publicação.

XIV Jornadas de Balsamão